12 de ago de 2010

lPerdoe-me meu amor por todos os surtos
É que não estou acostumada a ser amada assim
Precisava fugir de mim e de repente fugi de ti
Não suporto meu jeito este de não aceitar
De não saber ser prendida e tomada por você
Mas é por estranhar este louco amor q me toma
Que meto os pés pelas mãos
Perdoe-me meu amor ma s nao é intencional
Meu coração as vezes para e a razão fala mais alto
Enquanto o corpo pede você meu coração teima em se fechar
Tentando não sofrer...mas tudo é em vão porque só em ti encontro o alento, conforto e certeza da vida
Me perdoa minha pequena....quero você
Me segura, me laça, na deixa eu ir embora
Me perdoa meu amor, meu jeitão, meu gênio complicado
Mas o nosso amor tem q ser assim.... complicado
Já que pra todos já é diferente, eu quero ser anormal e te amar loucamenteeeeeeeeeeeeeee
Peço, imploro, pra vc nunca ir, nunca me deixe branca
Senão eu surtarei de vez, rs e pra sempre.